“Fake Happy” vai além de uma baladinha atual com referências aos anos 80

By Renato Almeida - dezembro 21, 2017

Fonte: Fueled By Ramen.


Após o lançamento do quinto álbum da carreira do Paramore, titulado After Laughter, algumas das novas canções ganharam suas versões em videoclipes, a mais recente foi a 5ª faixa, chamada Fake Happy, publicada no Youtube em 17/11/2017.

O vídeo teve direção visual do baterista da banda, Zac Farro, e conta com a presença da vocalista, Hayley Williams, percorrendo os diversos pontos turísticos de Nova York, um lugar idealizado por muitos, como o berço da fama e felicidade. Enquanto caminha e canta, Hayley mostra o verdadeiro significado da música: fazer uma crítica a sociedade moderna e suas relações superficiais. Para isso, são usados elementos gráficos, isto é, a famosa carinha sorrindo (smiles :D), nos rostos das pessoas que surgem no decorrer das gravações.

Os rostos encobertos passam a ideia de que as pessoas estão extremamente felizes, porém isso pode não ser a verdade. Essa representação, no clipe, enquadra-se perfeitamente com as ações da sociedade atual, que muitas vezes ocultam seus reais sentimentos e sensações. E isso fica evidente no refrão de Fake Happy, quando a vocalista esbraveja, “Oh please, don´t ask me how I´ve been (Ah, por favor, não me pergunte como estou) Don´t make me play pretend (Não me faça fingir)”, uma espécie de pedido, para que as pessoas não exijam umas das outras para demonstrarem uma falsa felicidade. Hayley ainda finaliza o refrão com as seguintes palavras, "Oh please, I bet everybody here is fake happy too (Ah, por favor, aposto que todo mundo aqui é falsamente feliz também)".

Fake Happy, vai além de uma baladinha atual com referências aos anos 80, é o tipo de música feita para dançar, mas também refletir sobre ações próprias e gerais. O álbum, de modo geral, é uma leve contemplação a vida, com temas presentes no cotidiano de todos nós, mas que muitas vezes optamos por engavetá-los no nosso subconsciente. After Laughter é sobre o sentimento que fica, após uma boa ou contida gargalhada. Afinal, o que ou quem realmente nos faz rir? Entre outras coisas, claro. 

Confira o videoclipe:



  • Share:

You Might Also Like

14 comentários

  1. Ooie Renato. EU ainda não tinha escutado está faixa do Paramore. Embora, como qualquer outra pessoa, já conhecesse a banda. Soh não acompanho o trabalho deles. Mas adorei conhecer. O clipe é bem fofo. E gostei muito como a canção tem dois momentos sonoros distintos. Linda. O clipe, de fato, trás essa ponto de reflexão. E quem nunca fingiu felicidade que lance o primeiro sorriso sincero! Te espero para o conto!

    www.acessopermitido.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Elcimar. Tudo bem?
      Que bom que gostou. Opa! Já postou o conto?

      Excluir
  2. A primeira vez que ouvi as músicas desse CD achei bem chatas, mas aí comecei a ouvir de novo e ouvir de um jeito mais carinhoso e gostei muito!
    As letras são ótimas e BEM depressivas.
    Inclusive a letra de Fake Happy é ótima e trás sim uma ótima reflexão sobre a vida, as pessoas e seus sentimentos.
    A única coisa que eu não gostei foi do clipe, achei que deixou MUITO a desejar.
    Eu pelo menos tinha outra ideia de como seria, fiquei imaginando vários enredos pra essa música e aí eles me aparecem com a 'bunda da Hayley' em destaque HAHAHHAHAHA achei péssimo, porém amo a banda, então estão perdoados rs.

    https://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, Renato.
    Sou totalmente por fora quando o assunto é musica. Por isso não conhecia eles. Mas acho legal que a musica tem um conteúdo reflexivo.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia, mas adoreeei a música e a proposta do clipe!!

    Beijos
    Próxima Primavera

    ResponderExcluir
  5. Confesso que ainda não escutei o novo álbum de Paramore (e nem o da Taylor Swift que tanto falaram). Não sabia dessa música e nem desse clipe. Gostei da ideia do nome do álbum, foi muito bem pensado. Já adorei a critica que ela faz ao que vivemos agora. Muita gente tirando selfies em lugares legai pra mostrar que estão felizes mas na realidade, por dentro, nada mudou. As vezes até rola uma felicidade passageira, mas é instantâneo como os famosos stories hoje em dia, que ficam por 24h e depois somem. A felicidade hoje tá praticamente baseada nisso. Mas agora preciso falar que essa ideia de colocar as carinhas nas pessoas foi genial pra não divulgar a imagem das pessoas e pagar pelos direitos autorais, haha!
    Beijos!

    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  6. Não sabia que essa banda tinha lançado cd novo. Na minha juventude ouvia bastante.
    Feliz natal e boa semana!

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  7. Oi Renato,
    Nossa, quase não reconheci a Hayley. Tá sempre mudando.
    Achei bem bacana a proposta do vídeo e curti a música. Preciso escutar esse álbum melhor.

    Feliz Natal atrasadinho e um próspero Ano Novo!
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  8. Eu gosto muuuito do Paramore, porém nunca mais tinha ouvido nada deles. Já vi a miniatura desse video no youtube, mas nunca cliquei para assistir. Depois de ler seu post, fui lá assistir. O clipe tem uma ideia bem legal. É um tema muito pertinente e importante nos dias atuais!
    bjs
    blogtrashrock.com

    ResponderExcluir
  9. Oi! Gostei da analise, já faz algum tempo que ouvi as canções da Hayley. ;)

    Curti muito seu blog. Um abraço e Feliz 2018!

    Blog: O Planeta Alternativo

    ResponderExcluir
  10. Eu amei esse álbum e o clipe, achei uma proposta bem diferente e ainda com a marca da banda. somos obrigados a fingir que tudo está bem, sendo que deveríamos mostrar tudo que somos e sentimos de verdade
    beijos
    lolamantovani.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá! Tudo bem?
    Primeiramente, feliz ano novo!
    Confesso que nunca parei pra ouvir de fato a banda, mas depois do seu post entrou pra minha playlist.
    Desculpe a demora em responder seu comentário.
    Volte sempre que será bem vindo!

    Abraço,
    miiistoquente~

    ResponderExcluir